Após o grande sucesso de Demolidor em sua temporada de estreia, a NetFlix disponibilizou no dia 18 de Março os 13 episódios de sua 2º Temporada.

demolidor-2-temporada-critica

Matt Murdock(Charlie Cox) junto de seu sócio Foggy Nelson (Elden henson) e a assistente Karen Page (Deborah Ann Woll) tentam sobreviver com os muitos, porém pouco rentáveis clientes que atendem em seu escritório, é até injusto afirmar que é uma dupla de sócios, já que Karen parece as vezes se preocupar bem mais com o escritório do que os próprios sócios que dão nome a firma.

Matt continua sua jornada para limpar a cozinha do inferno após a prisão de Wilson Fisk (Vincent D’Onofrio), porém o que parecia vir como dias mais tranquilos se complica quando Matt precisa confrontar um novo Vigilante chamado Justiceiro (Jon Bernthal) que não tem receio de matar os criminosos.

Ao mesmo tempo que Matt tenta entender quem é o Justiceiro e como convencê-lo que matar não é a melhor maneira, ele precisa enfrentar o retorno de sua antiga amante Elektra Natchios (Élodie Yung) que pede a ajuda de Matt para combater uma organização criminosa que começa a executar seus planos para dominar o crime organizado de Nova York já que o lugar foi deixado em aberto após a queda de Fisk.

Desta forma o cenário está montado para deixar a vida de Matt Murdock literalmente de ponta cabeça, se na primeira temporada tivemos um Matt Murdock com problemas sérios em sua luta contra o Rei do Crime, aqui Matt em nenhum momento descansa desta luta e se vê sendo questionado até por pessoas próximas se o Justiceiro não teria razão em sua maneira de agir, já que os criminosos nem sempre mereceriam uma segunda chance.

Como um católico devoto, Matt é totalmente contra a morte de qualquer pessoa e acredita em segundas chances fazendo ele confrontar Frank Castle em diálogos interessantíssimos, sobre quem estaria certo em poupar ou não a vida de um criminoso, colocando em dúvida até a própria maneira de agir de Matt.

Essa mistura de ingredientes deixa essa temporada mais interessante que a primeira, muitas vezes colocando o próprio Demolidor em segundo plano, mas não deixa de deixar bem claro que Matt Murdock ainda é o protagonista e nossos olhos (sem trocadilhos!) nos eventos que se sucedem na trama.

O final da temporada pode ser previsível e algumas pessoas saírem desapontadas, mas isso pode mudar se perceber que essa temporada manteve um ótimo nível entre os episódios com momentos memoráveis como a nova cena de luta em corredor, nesse caso tivemos do Demolidor e do Justiceiro!

Ela prepara terreno para a derradeira 3º temporada que seria o equivalente a um 3º ato, onde me atreveria a dizer que seria baseado em um certo arco chamado “A Queda de Murdock”. Olhando por este lado, sabendo o que está por vir, essa temporada fica muito mais interessante não?

Mas antes O Demolidor irá se juntar a Jessica Jones, Luke Cage e Punho de Ferro em Os Defensores, então tem muita coisa boa vindo por ai!

pimentometro-9

Padu on FacebookPadu on Twitter
Padu
Editor em LMMT